27 setembro, 2012

Poetas da madrugada: poesia da madrugada

Poetas da madrugada: poesia da madrugada: Tudo o penso é intenso. Tudo o que faço, é olhar o seu retrato. Tudo o que meço, é imenso. Tudo que eu ligo, é lindo...      ...